Uso dos Porque ou Por que? Junto ou separado?

Uso dos Porque ou Por que? Junto ou separado?

Ygor Sarkis - 15/05/2018 Atualizada - 17/05/2018 15h52

O porquê é uma das conjunções mais usadas no dia a dia e pode ser escrita de formas muito variadas, de acordo com o contexto. Junto ou separado: porque ou por que.  Ou com acentuação: porquê ou por quê.

Apesar do uso dos porquês ser algo recorrente durante a escrita, muitas pessoas ainda não compreendem as diferenças entre: porque, por que, porquê e por quê. Aprenda a seguir um método prático para o emprego do porquê e não erre mais.

Aprenda a fazer o emprego do porquê

Uso do “porque” junto sem acento

O emprego do porque, junto e sem acento, é feito para introduzir uma explicação ou causa. Em ambos os casos, a frase continuará fazendo sentido se você substituí-lo pela conjunção: pois.

Exemplo 1: “Não tive sucesso ao adquirir o bilhete para o show , porque a conexão 3G da minha residência não funcionou bem

Exemplo 2: “Preciso, o mais rápido possível, obter minha carteira de motorista, porque quero viajar no feriado

Exemplo 3: “Não fui para Califórnia nas férias, porque não consegui juntar dinheiro durante o segundo semestre”

Exemplo 4: Fiz isso com minha filha, porque era preciso.

Veja que nas frases acima, você poderia, sem problemas, substituir “porque” por “pois”.

Uso do “por que” separado sem acento

O emprego do por que, separado e sem acento, acontece quando você introduz um questionamento/pergunta com um sinal de interrogação ou não. Neste caso, ele terá o mesmo sentido de: “por qual motivo” ou “por qual razão”.

Exemplo 1: Gostaria muito de saber por que excluíram as principais atrações do Lineup que tinha sido divulgado no início do ano.

Exemplo 2: Ainda hoje não sabemos por que a humanidade não compreende de uma vez por todas que é preciso cuidar com maior zelo dos recursos naturais.
Exemplo 3: Por que não me falou a verdade sobre você?

Uso do “porquê” junto e com acento

O emprego do porquê, junto e com acento, acontece quando ele assume a função de substantivo: neste caso vem sempre acompanhado de um artigo (o, os, um, uns), pronome adjetivo (este(s), quantos etc) ou de numeral (um, dois, cinco etc).

Exemplo 1: “Ninguém comunicou aos alunos o porquê de não ter ocorrido o evento que estavam previsto nesta semana na escola.”

Exemplo 2: “Quantos porquês  você acredita que precisamos responder para você  perceber que não está fazendo a coisa certa em sua vida.”
Exemplo 3: Gostaria de saber o porquê de tanta reclamação.

Uso do “por quê” separado e com acento

O emprego do por quê, separado e com acento, é feito sempre quando ele é colocado final da frase, logo antes da última pontuação.

Exemplo 1: “Sempre estou insatisfeito, mesmo quando está tudo bem na minha vida. Gostaria de entender por quê?”




Exemplo 2: “Combinamos de ir ao teatro todas as sextas-feiras, mas você não foi neste final de semana nem disse por quê.”

Muitos estudantes decoram, de maneira incorreta, que o “por quê” separado é colocado sempre no final de uma frase com interrogação. Veja que no caso acima isso não ocorre.

Exemplo 3: Gostaria de entender o por quê de não me convidarem para a festa. 

Exemplo 4:  É difícil de aceitar o por quê disso tudo. Não consigo entender por qual motivo(por que) isso aconteceu comigo.

Resumo prático do Portal Confira Mais – Uso dos porquês:

Consideramos que as formas com acento são as mais fáceis de aprender e geralmente são muito pouco usadas no dia a dia.

O erro costuma ocorrer com mais frequência na hora de usar as formas sem acento e decidir se o porquê é junto ou separado. Para tomar essa decisão, como você pode conferir abaixo, nós temos um método prático e simples: tente substituí-lo por “pois” se for possível é junto, se não for é separado. Simples assim.

Com acento :

por quê: sempre e apenas no final de frase.

porquê = substantivo.

Sem acento:

porque = pois

por que ≠ pois (ou se preferir: “por que = por qual razão”)

Deixe seu comentário e diga o que achou do nosso método de usos dos porquês. Esperamos ter ajudado.

Detalhes e Exceções da regra – Leitura indicada para prova do Enem

Existem alguns detalhes e exceções que são importantes para quem vai fazer a prova do Enem, mas de pouca relevância no dia a dia, pois são incomuns ou podem ser desconsiderados.

1- O porquê também deve ser escrito junto e sem acento – “porque” – quando indicar finalidade e puder ser substituído por “a fim de que”. No dia a dia é muito raro usarmos o porquê neste sentido, mas como essa pode ser uma pegadinha numa da questões do Enem, é importante saber.

Aplicação numa frase: “Preparem-se bastante, porque aprendam a matéria.

Veja que na frase acima, é possível, sem problemas, substituir “porque” por “a fim de que”.

2-Em nosso método prático, dissemos que o porquê deve ser escrito junto e sem acento – “porque” – quando puder ser substituído por “pois”. Admitimos isso uma vez que é raro ele fazer as vezes de uma conjunção de finalidade, como acabamos de ver, e porque mesmo quando ele faz a função de uma conjunção de causa (por exemplo, “já que” ou “uma vez que”) ele também pode ser substituído mentalmente por “pois”, sem problemas.

No entanto, por uma questão de pontuação (e não de ortografia), você precisará analisar sempre se este “porque” é conjunção causal ou conjunção explicativa e assim decidir se ele deve ser precedido por vírgula ou não.

O porquê deve ser precedido por vírgula quando indicar explicação e não deve receber vírgula quando indicar causa.

Para avaliar se ele deve ou não ser precedido por vírgula, temos outro método prático. Verifique se o “porquê” pode ser substituído por “que”: se for possível ele é explicativo e deve receber a vírgula. Se não fizer sentido a substituição ele é causal e não receberá a vírgula. Veja de maneira simplificada abaixo:

Com vírgula
porque = que

Aplicação numa frase: Não chegue tarde no cinema, porque (que) o filme vai começar em alguns minutos.

Sem vírgula:
porque ≠ que

Aplicação numa frase: O cara mais engraçado da turma não foi ao show porque está doente.

Confira Mais

Informar erro ou desatualização

Não encontrou o que queria ou identificou erros?

Comentários

Eventos em Destaque

  • Nacional
  • Uso dos Porque ou Por que? Junto ou separado?
Esta Agenda de Shows ainda não foi atualizada por nossa equipe.

Parceiros nacionais